Londrinando, mostrando o que Londrina tem de melhor!

Rota Gastronômica Paranaguá: a comida caseira sofisticada do Caponata

20.03.2019 11:34 / POR Mariana Paschoal

Rota Gastronômica Paranaguá: a comida caseira sofisticada do Caponata

A Rua Paranaguá é um dos primeiros lugares que vem à mente do londrinense quando ele precisa escolher alguma opção para comer e beber. É por isso que nós do Londrinando decidimos juntar as opções gastronômicas da via na nova série Rota Gastronômica Paranaguá para você conhecer melhor o que tem por lá.

E para começar a série, nada melhor do que falar sobre um restaurante que está lá no comecinho da rua, entre a Tupi e a Sergipe: o Restaurante Caponata.

O casal Daniele e Alexandre Vialle comemoraram seis anos desde que abriram o restaurante no número 512 da Rua Paranaguá este mês. Alexandre, o chef, se formou em gastronomia em Curitiba, onde trabalhou em diversos estabelecimentos até decidir se casar e formar uma família com Daniele – o que não queriam fazer na capital. “Nós somos de Cascavel, do interior, e queríamos abrir o nosso próprio restaurante em um lugar parecido, mas um pouco melhor, por isso viemos para cá já com a ideia do Caponata”, conta o cozinheiro.

A ideia principal do Caponata, segundo Alexandre, é “focar na qualidade e não na quantidade”. É por isso que eles trabalham com poucos pratos. Eles oferecem o serviço de buffet por quilo. São 14 opções de salada, arroz branco, arroz integral, feijão e cinco pratos quentes que consistem, geralmente, em dois tipos de proteína, uma massa e duas guarnições. O chef tem o cuidado de montar o cardápio sempre pensando na coerência dos ingredientes.

“Trabalhando com poucos pratos, temos tempo para dar mais atenção em cada um e não fazer de qualquer jeito, em quantidades absurdas. A gente sempre mantém o padrão de apresentação, sabor e temperatura”, esclarece Alexandre que explica também que outro diferencial da comida do Caponata é o famoso “temperinho”. “Eu pego o trivial e dou um toque a mais, um tempero diferente. Penso na comida caseira, mas dou uma sofisticada, uma elaborada a mais”, continua.

O carro-chefe do restaurante é o filé mignon à parmegiana, que é servido no buffet às terças-feiras. De acordo com Alexandre, os clientes lotam a casa nesse dia, pois já sabem que o prato será servido. Às quartas, também tem um queridinho do público: o filé de tilápia, que segundo o chef, é um filé selecionada à dedo, mais alto e mais suculento.

Com exceção de alguns pratos fixos como esses e a tradicional feijoada de sábado, Alexandre conta que os cardápios não são fixos e que são montados um dia antes de serem servidos. Resta aos londrinenses darem uma passada lá e conferir quais serão as delícias preparadas para o dia em um ambiente confortável e aconchegante – assim como é a comida dos Vialle para a nossa barriga.

Vai lá:

Rua Paranaguá, 512, loja 3
Horário de atendimento: 11h às 14h30
Valores: R$ 41,90/kg (segunda a sexta) e R$ 43,90/kg (sábado)
Telefone: (43) 3322-9287
Facebook