Londrinando, mostrando o que Londrina tem de melhor!

Clube Londrinando

6 maneiras de ajudar as vítimas do ciclone na África sem sair de Londrina

25.03.2019 12:39 / POR Mariana Paschoal

6 maneiras de ajudar as vítimas do ciclone na África sem sair de Londrina

Moçambique, Zimbábue e Malaui, países do sudeste da África, foram atingidos pelo ciclone Idai na última sexta-feira (22). Os últimos dados, divulgados nesta segunda-feira (25), mostram que pelo menos 446 pessoas morreram e outras milhares continuam desaparecidas e desabrigadas. Os números aumentam a cada dia.

O Idai foi o ciclone tropical mais forte a atingir a região desde 2008. A tempestade causou inundações e criou um lago de 125 quilômetros de largura, destruindo uma grande área habitada por muita gente.

Países do mundo inteiro já estão presentes, de alguma forma, para ajudar as vítimas, seja para oferecer abrigo, comida, ou atendimento em saúde. Sabemos que quando essas tragédias acontecem, principalmente quando são longe de nós, ficamos um pouco limitados dentro de nossas capacidades. Mas se você está se perguntando como pode ajudar as vítimas do Idai, selecionamos algumas maneiras  sem que você precise sair de Londrina:

Comitê Internacional de Ajuda Humanitária das Nações Unidas

A Organização das Nações Unidas está com equipes espalhadas pelos três países atingidos pelo ciclone e oferece auxílio às situações críticas. Para ajudar essas equipes, a ONU aceita doações para o fornecimento de alimentos, medicamentos e abrigos. Para ajudar, clique aqui.

Unicef

O Fundo das Nações Unidas para a Infância também está recebendo doações. De acordo com a Unicef, mais de 600 mil crianças estão desabrigadas em Moçambique, Malaui e Zimbábue e as doações recebidas através deste site serão destinadas ao atendimento emergencial delas.

Médicos sem Fronteiras

A organização humanitária Médicos Sem Fronteiras, precisa de doações para cobrir o Fundo de Emergência e para ajudá-los a dar continuidade a um trabalho ágil durante a crise. As doações serão destinadas à compra de filtros estéreis para transfusão sanguínea, comprimidos de cloro para purificar água e soro para reposição de líquidos, por exemplo. Para doar, clique aqui

Caritas

A organização humanitária Caritas também recebe doações de todo o mundo para arrecadar alimentos, medicamentos, abrigos e outros itens de necessidades básicas para a população que está desabrigada nos três países atingidos pelo ciclone. Para doar, clique aqui.

Oxfam

A Oxfam, entidade de combate à pobreza, está nos países atingidos pelo Idai com o objetivo de ajudar 500 mil pessoas a ter acesso à comida e água tratada. Para ajudar a organização a atingir o objetivo, é só clicar aqui.

ActionAid

A ActionAid pede doações para custear kits de higiene, alimento, água, combustível, barracas e outros suprimentos às vítimas do desastre, principalmente às que estão localizadas em regiões remotas. As doações podem ser feitas nos valores de R$ 35, R$ 58 e R$ 103. Para ajudar, clique aqui

Pense no que pode ser feito se cada pessoa, por todo o mundo, ajudar pelo menos um pouco. Uma grande diferença pode ser feita na vida das pessoas que precisam. Vamos ajudar a mudar a vida de alguém que precisa hoje?