Londrinando, mostrando o que Londrina tem de melhor!

10 livros infantis para conhecer no Dia Internacional do Livro Infantil

02.04.2019 14:32 / POR Mariana Paschoal

10 livros infantis para conhecer no Dia Internacional do Livro Infantil

O Dia Internacional do Livro Infantil é comemorado hoje (2) e tem como objetivo estimular a leitura das crianças desde cedo. A data foi estabelecida em homenagem ao aniversário do escritor dinamarquês Hans Crhsitian Andersen (1805-1875), que é considerado o primeiro autor moderno de contos de fadas. Você provavelmente já leu, ou pelo menos conhece alguma de suas histórias: foi ele quem escreveu A Pequena Sereia, Patinho Feio, Soldadinho de Chumbo, entre outros...

Para celebrar a data e para motivar nossos leitores a presentear a criançada com livros, selecionamos dez obras infantis incríveis da lista de mais vendidas da Amazon de 2018.

Vamos conhecer?

Bom Dia, Todas as Cores - Ruth Rocha

Em um de seus livros mais recentes, a renomada autora de livro infantis, Ruth Rocha, conta a história de um camaleão que vivia tentando agradar todo mundo. Mas no desenrolar das páginas, o bichinho e o leitor aprendem algo muito importante: quem não se agrada também, não consegue agradar mais ninguém.

O Bom Dia, Todas as Cores foi lançado em 2013 pela editora Salamandra.

O que Tem Dentro da Sua Fralda? - Guido van Genechten

Esse é um daqueles livros infantis ótimos para os pais lerem com seus filhos bem pequenos, principalmente quando não sabem muito bem como ensinar algo de maneira lúdica e didádica, como o funcionamento do corpo do pequeno. Em "O que Tem Dentro da Sua Fralda?", lançado em 2010, o Ratinho, personagem principal, pergunta a todos os seus amigos o que há dentro da fralda deles e, ao mostrar, eles aprendem muita coisa!

O Monstro das Cores - Anna Llenas

Escrito e ilustrado pela arte-terapeuta espanhola Anna Llenas, "O Monstro das Cores" tem como objetivo ajudar as crianças a identificar e a organizar as emoções que sentem através das cores. E é isso que o monstrinho, personagem principal da história, faz: depois de fazer uma bagunça com as emoções, ele precisa por tudo em ordem, a alegria, a tristeza, a raiva, o medo, a calma...

O livro foi publicado em 2012 e já vendeu mais de 200 mil exemplares, além de ter sido traduzido para 16 idiomas desde então.

A Vida não me Assusta

A renomada escritora Maya Angelou fez um poema direcionado a crianças valentes que se transformou no livro "A Vida não me Assusta".

O objetivo dessa obra, que na verdade é um livro de arte produzido juntamente com o artista gráfico Jean-Michel Basquiat, é preparar as crianças para enfrentarem fantasmas - quaisquer que eles sejam - de cabeça erguida.

O livro foi lançado no Brasil no ano passado pela editora Darkside.

Gildo - Silvana Rando

O tema central de Gildo também é a coragem. Gildo, que é o personagem principal, é um elefante muito corajoso e enfrenta desafios como montanha-russa, filme de terror e viagens de avião sem medo. Mas tem algo que faz ele perder o sono sempre. Isso, o leitor vai descobrir durante a leitura.

O livro foi lançado em 2017 pela editora Brinque-Book.

A Cor de Coraline - Alexandre Rampazo

Em "A Cor de Caroline", o autor Alexandre Rampazo traz uma explicação lúdica e bem-humorado sobre diversidade. Na obra, ele mostra às crianças, que são o público-alvo do livro, quais são as possibilidades que existem dentro de uma caixa de lápis de cor e como o mundo pode ser mais colorido com ela.

O livro foi lançado em 2017 pela Editora Rocco.

Tudo Bem Ser Diferente - Todd Parr

Também abordando a diversidade, Todd Parr cita assuntos que podem ser difíceis de serem tratados em casa de maneira divertida e simples, como preconceitos, deficiências físicas e separação de pais. Com isso, o autor tenta mostrar ao público infantil que está tudo bem não ser como a maioria das pessoas e que cada um é especial a sua maneira.

"Tudo Bem Ser Diferente" é de 2002 e foi lançado pela Editora Panda Books.

Menina Bonita do Laço de Fita - Ana Maria Machado

Ana Maria Machado, uma das escritoras infantis mais populares do país, aborda a representatividade racial nessa obra. Em "Menina Bonita do Laço de Fita", uma menina negra desperta a atenção de um coelho branco e toda a história se desenrola em cima da amizade deles.

O livro foi lançado em 1986.

Malala, a Menina que Queria Ir Para a Escola - Adriana Carranca

A autora Adriana Carranca conta a história de Malala, que ficou mundialmente conhecida por quase morrer no Paquistão ao tentar estudar. Nesse livro, a história é adaptada para o público infantil tirar uma lição de tudo o que aconteceu com a menina e para que as crianças entendam a importância da educação.

O livro foi lançado pela Companhia das Letras em 2015.

O Grúfalo - Julia Donaldson

O Grúfalo é um monstro criado pela imaginação de um ratinho muito esperto. Com ele, o ratinho assusta seus predadores, mas também acaba sendo assustado. Com o livro, a autora busca mostrar aos seus leitores o poder da nossa imaginação e o que eles podem criar.

A obra é de 2008 e foi lançado pela editora Brinque-Book.

O hábito da leitura deve ser motivado desde cedo em casa e o Dia Internacional do Livro Infantil pode ser uma ótima desculpa para você comprar alguns livros para as crianças que tem em casa, ou para presentear alguém que você conhece. Qual desses você gostou mais?