Londrinando, mostrando o que Londrina tem de melhor!

Clube Londrinando

8 cachoeiras em Londrina e região para se refrescar enquanto o inverno não chega

17.04.2019 14:08 / POR Mariana Paschoal

8 cachoeiras em Londrina e região para se refrescar enquanto o inverno não chega

O outono já chegou, mas o calorzinho do verão insiste em permanecer aqui na região de Londrina. E uma boa maneira de aliviar os efeitos do sol quente que insiste em pairar sobre nós é se resfrescar em uma, ou admirar uma bela cachoeira. Para te ajudar a escolher a queda d'água que se encaixa direitinho nos seus gostos e necessidades, preparamos uma lista de cachoeiras de Londrina e região para você aproveitar enquanto o inverno não vem. Confira:

Cachoeira do Tatu (Zona Sul de Londrina)

 
 
 
Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Prefeitura De Londrina (@prefeituradelondrina) em

Revitalizada recentemente por estudantes de engenharia ambiental da Faculdade Pitágoras, a Cachoeira do Tatu já se tornou um destino queridinho de quem procura um pedacinho e natureza no meio da cidade. O que forma a queda d’água que fica na Zona Sul de Londrina, atrás do Jardim Botânico, é o afluente do Ribeirão Cafezal. Ela é uma das quedas urbanas menos poluídas da cidade, então vale a visita pra aproveita um banho refrescante por lá. Só lembra de jogar o lixo fora e manter o local sempre limpo, tá?

O acesso à Cachoeira do Tatu pode ser feito pela Rua Luis Lerco, que é a via da Unopar do Catuaí.

Cachoeira do Córrego Baroré (Jardim Tokio - Londrina)

A cachoeira do córrego Baroré é outro ponto de natureza que fica bem no meio da cidade, nesse caso, no Jardim Tókio, próximo ao pontilhão do bairro.

De fácil acesso, a queda d'água é um ótimo cantinho para quem quer fugir da correria, do barulho e da poluição e relaxar ao som da água caindo.

Salto do Apucaraninha (Zona Sul - Londrina)

 
 
 
Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Flavio Haruo Endo (@flavioharuoendo) em

O Salto do Apucaraninha é uma queda de 116 metros de altura de tirar o fôlego. A 80 km do centro de Londrina, essa é uma das cachoeiras mais famosas da região e, apesar de não ser possível se molhar em suas águas, a contemplação da natureza será garantida na sua visita por lá.

Para chegar ao Salto, é só pegar a PR 445, dirigir até o trevo do distrito de Lerroville, trafegar por toda a avenida principal do distrito até chegar na estrada de terra que te levará à queda d'água.

Cachoeira da Estância Cachoeira (Tamarana)

 
 
 
Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Estância Cachoeira - Paraná (@estanciacachoeira) em

Na Estrada do Candiró, km 58, em Tamarana, a 60 km de Londrina, está a Estância Cachoeira. Como o próprio nome já diz, lá é um ótimo lugar para curtir a estrela deste texto: a cachoeira. Mas a Estância vai além da queda d'água. Lá, é possível aproveitar a natureza em todos os sentidos, além de curtir a paz e a tranquilidade de um tempo afastado da cidade com duas opções de acomodações. Para mais informações e reservas, o contato do recanto ecológico é o (43) 99109-1691, Facebook e Instagram.

Cachoeira do Bulle (Arapongas)

 
 
 
Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por César Arzua (@arzuacesar) em

A Cachoeira do Bulle fica próxima ao Parque Estadual Mata dos Godoy, mas já em território araponguense. A queda d'água tem aproximadamente seis metros de altura e, apesar de não ter um acesso muito fácil, é bastante visitada, já que é perto de cidades da região. Para chegar lá, é preciso pegar uma estrada de chão à direita depois do Patrimônio Regina, na Zona Sul de Londrina.

A distância percorrida entre o centro de Londrina e a cachoeira do Bulle é de aproximadamente 40 km.

Cachoeira do Recanto do Pinhão (Mauá da Serra) 

 
 
Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Recanto Pinhão Pousada Rural (@recantopinhao) em

Bem pertinho de Londrina, o Recanto do Pinhão também tem uma cachoeira para quem deseja se molhar em quedas d'água. Lá você pode ainda reservar um chalé e curtir a paisagem, as trilhas, os lagos e a mata nativa.

O Recanto fica na Rodovia PR 445, km 04, na divisa entre Tamarana e Mauá da Serra (a 89 km de Londrina). Para informações sobre acomodações e reservas, entrar em contato através do telefone (44) 99973-1007, Facebook, Instagram, ou site.

Cachoeira do Chicão I e Cachoeira do Chicão II (Faxinal)

 
 
 
Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Everyday Brasil (@everydaybrasil) em

As cachoeiras do Chicão I e II são muito procuradas pelos praticantes de rapel da região. Elas ficam no Rio Bufadeira, em Faxinal (aproximadamente 100 km de Londrina), e ficam distantes 200 m uma da outra. A Chicão I tem 25 m de altura em queda alternada e a II tem 46 m de altura em queda contínua.

O acesso às quedas d'água é feito pela estrada de pedra para Bufadeira do Cruzeiro. Vale lembrar que, por segurança, é importante visitar essas duas cachoeiras acompanhado de um guia profissional, serviço que empresas de Faxinal disponibilizam.

Conhece, ou já visitou alguma cachoeira aqui da região que a gente não citou? Conta pra gente como ela é, mande fotos e a gente acrescenta aqui!

Obs: os preços e promoções são válidos para a data da publicação, podendo sofrer alterações sem aviso prévio das quais não nos responsabilizamos.