Londrinando, mostrando o que Londrina tem de melhor!

Dan Murata: o ídolo pop londrinense

28.01.2020 11:38 / POR Mariana Paschoal

Dan Murata: o ídolo pop londrinense

Excitame, Me Usa, Bumbumzada, Vai dar Bom e Proposta. Se você ainda não conhece essas músicas, corre para qualquer plataforma digital para ouvi-las. Elas são interpretadas pelo londrinense, nascido e criado, Dan Murata - que já podemos considerar um ícone pop da cidade.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por DAN MURATA (@danmurata) em

É provável que Dan Murata nunca tenha pensado em fazer outra coisa a não ser cantar e dançar. Afinal, desde muito pequeno ele sempre foi aquela criança que fazia os passinhos do É o Tchan nas festas de família. Mas talvez o pontapé inicial da carreira dele como cantor e dançarino tenha sido aos 12 anos, quando ganhou da mãe um rádio com videokê. "Aí eu não parei mais de cantar".

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por DAN MURATA (@danmurata) em

A mãe, inclusive, é uma das grandes inspirações na carreira do artista "por ser uma mulher batalhadora, persistente, que vai atrás daquilo que quer". Essas características ele também encontra em inspirações artísticas como Beyonce, Iza, Linn da Quebrada e Pabllo Vittar. "Me espelho em todo esse cenário LGBTQI+ que serve de inspiração para a gente, que faz parte dessa comunidade, não desistir".

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por DAN MURATA (@danmurata) em

Trajetória

Desde que descobriu a paixão por cantar, Dan buscou se construir como artista e consolidar sua carreira. Ele começou a cantar em barzinhos de Londrina e trabalhou como cantor residente em um deles por anos. Também foi aqui na cidade que ele formou todas as bandas que já teve e fez seu nome como cantor. “Sempre tive uma resposta muito boa do público londrinense em relação ao meu trabalho”, conta.

O cantor e dançarino, inclusive, já participou de programas de rede nacional: o primeiro foi o Ídolos (SBT) em 2007, quando chegou na semifinal. Em 2009, à frente da banda Naxx, Dan participou do Astros (SBT), chegando em segundo lugar. Em 2016 foi a vez do X-Factor (Band). “O que eu levo desses programas é o conhecimento e as pessoas que a gente conhece de todo o Brasil. A gente troca músicas, ideias, experiências… No Ídolos, por exemplo, eu nunca tinha conhecido o mar e fui para Florianópolis fazer o teste. Eu nunca tinha viajado sozinho e eu estava lá, sozinho, atrás dos meus sonhos, com apenas 19 anos de idade”, relembra.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por DAN MURATA (@danmurata) em

“Com certeza foi por causa desses programas que eu consegui um reconhecimento na cidade e em outros lugares do Brasil”, afirma. Ele também conta que foi por ter participado de programas nacionais que conseguiu várias oportunidades de mostrar seu talento e todo o trabalho que tem hoje. Foi pela exposição nacional, inclusive, que ele conheceu o atual empresário.

Foram todas essas experiências que fizeram Dan chegar em dezembro de 2017, com a criação do projeto solo Dan Murata. Desde então, o cantor já lançou seis singles: cinco músicas e um remix (delas, só uma não tem videoclip, que é a Bumbumzada). Todas podem ser encontradas no Youtube e nas plataformas digitais de música. O artista promete novidades em breve: "estou muito ansioso para lançar". 

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por DAN MURATA (@danmurata) em

E para fechar, Dan deixa o recado: “A todos que apoiam os artistas LGBTQI+ e principalmente a comunidade LGBTQI+ que apoia esses artistas, a gente faz o que faz porque a gente quer mostrar o nosso lugar, mostrar que a gente pode ser aquilo que a gente quiser. Então, se você conhece alguém que, de algum jeito, trabalha com arte, apoie. Divulgue em qualquer lugar. Isso nos ajuda e nos dá forças para continuar”.

Foto de capa: Sergio Caron